3 de jan de 2013

Santos anuncia contratação do meia Montillo e cede volante Henrique ao Cruzeiro


O Santos confirmou a contratação do meia Montillo, do Cruzeiro, em seu Twitter oficial. O clube negociava com o jogador há quase dois meses. Nesta quinta-feira, os dirigentes mineiros aceitaram a proposta dos santistas e liberaram o jogador.

As conversam com o Cruzeiro caminhavam bem, e a última oferta, de pouco mais de 6 milhões de euros (R$ 16,4 milhões) agradou a diretoria mineira. Pelo acordo, o Santos adquiriu os 60% dos direitos econômicos que o clube mineiro tinha do argentino e ainda repassou os direitos do volante Henrique, como revelou com exclusividade o UOL Esporte no inicio da transação no ano passado.
Além de Henrique, a diretoria santista havia colocado um “pacote de jogadores” para o Cruzeiro escolher na transação. Entretanto, os mineiros não demonstraram interesse por Adriano, Miralles, David Braz e João Pedro, que faziam parte da lista de atletas oferecidos pelo Santos.
A escolha dos jogadores interferia no valor da transação e, por isso, o Santos teve que aguardar a definição do Cruzeiro.
O Santos também chegou a um acordo com os investidores e comprou 10% da EMS, empresa do mercado farmacêutico, que possuia 20% dos direitos econômicos de Montillo, o mesmo percentual que detém o banco BMG, patrocinador master da camisa santista. Desta forma, o clube alvinegro fica com 70% dos direitos econômicos, enquanto o BMG mantém seus 20% e a EMS fica com 10%.
Montillo chegou a cidade de Santos na última quarta-feira, mas a diretoria do clube negou a informação. O argentino faz exames médicos nesta semana e já inicia os trabalhos com o restante do grupo, que se reapresenta nesta quinta, no CT Rei Pelé.
A reunião entre as diretorias das duas equipes aconteceu na Sede Administrativa do Cruzeiro Esporte Clube, no Barro Preto, em Belo Horizonte, e contou com o presidente da Raposa, Gilvan de Pinho Tavares, o presidente em exercício do Santos, Odílio Rodrigues, e o assessor da superintendência de esporte do Santos, André Zanotta. Restam apenas a assinatura dos documentos de praxe e a realização dos exames médicos de ambos jogadores.
UOL