19 de dez de 2012

Cruzeiro tenta liberação de Ananias, mas Portuguesa recusa ofertas

O imbróglio envolvendo Ananias, Cruzeiro e Portuguesa ainda está longe de um desfecho. Apesar do acerto entre Raposa e estafe do atleta, a Lusa não irá negociá-lo tão facilmente. Contratado em definitivo no início deste ano, o jogador não deixará o Estádio do Canindé, se depender dos dirigentes paulistas.


A cúpula estrelada enviou uma oferta incluindo o empréstimo de alguns jogadores, cujos nomes não foram revelados. A Portuguesa, entretanto, recusou esta troca. Desta forma, a diretoria cruzeirense estuda uma nova proposta, que abrange somente uma compensação financeira.

Em conversa com o LANCE!Net, o gerente de futebol Candinho admitiu liberar o atacante. Contudo, o dirigente deseja uma compensação financeira vantajosa para autorizar a saída do atleta.

Outra situação incomoda o empresário Antônio Gustavo – responsável por gerir a carreira de Ananias. Quando adquiriu os direitos do atacante, a Lusa não registrou um contrato. Portanto, de acordo com o Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), ele ainda está vinculado ao 

Bahia até abril de 2013. Ao término deste acordo, ele poderia assinar com qualquer outra agremiação.
A Lusa rechaça esta hipótese, uma vez que teria acordado um contrato mais longo ao término do atual. As partes ainda não encontraram uma resolução para o caso. Por isso, a expectativa é que a negociação tenha um desfecho somente nos primeiros meses do próximo ano.


Fonte