15 de jun de 2012

Cruzeiro descarta liberar volante Souza para o Sport, mas pode emprestar outros atletas

Há quase dois meses no Cruzeiro, o armador Souza esteve na mira do Sport, para defender a equipe no Brasileiro. Com a perda de posição no time titular, o jogador teve seu nome sondado pela diretoria do clube pernambucano junto à diretoria celeste, que descartou qualquer possibilidade de o atleta sair da Toca, mas que abriu a possibilidade de ceder algum outro jogador.

A proposta era que Souza rescindisse contrato com o time mineiro, com o qual tem vínculo por empréstimo até o final do ano com opção de renovação por mais, e assinasse com Sport. Porém, o clube celeste frustrou a tentativa dos pernambucanos de levar o armador, que pertence ao Fluminense.
“O presidente do Sport ligou para o Alexandre Mattos dizendo se o Cruzeiro cederia o atleta Souza para o Sport. Ele mesmo respondeu que não, que nós precisamos do jogador e o Cruzeiro não abre mão deste atleta, que é titular no clube”, disse o presidente celeste.
Apesar da negativa, Gilvan de Pinho Tavares disse que o time mineiro está disposto a ceder jogadores com “perfis” parecidos ao time pernambucano, que não procurou o Cruzeiro depois de receber resposta negativa em relação a Souza.
“Como é que vamos ceder um atleta que é parte integrante do plantel do clube. Nós vamos precisar contar com ele. Temos outros atletas, que se encaixarem no perfil que eles querem, a gente pode ceder. Esses que são titulares, não há possibilidade”, afirmou.
Souza foi contratado em 22 de abril pelo clube celeste e participou dos jogos pela Copa do Brasil contra o Atlético-PR. O atleta iniciou como titular no Campeonato Brasileiro, mas perdeu a posição para o atacante Fabinho, na partida contra o Sport, quando o time celeste venceu por 1 a 0. O Cruzeiro paga parte dos salários do armador, enquanto a outra vem da empresa parceira do Fluminense.
UOL