29 de mai de 2012

Wallyson revela propostas de outros clubes, mas garante preferir ficar no Cruzeiro

Com contrato terminando com o Cruzeiro no início de agosto, o atacante Wallyson afirma que não vai comentar mais sobre a negociação para sua permanência no clube celeste. O atleta disse que vai se blindar da indecisão, que está atrapalhando o seu rendimento. Além disso, o jogador revelou que tem propostas de outros clubes, mas que prefere ficar no time mineiro.


“Tem clubes brasileiros e fora do Brasil também com interesse, mas falei com o Alexandre (Mattos, diretor de futebol do Cruzeiro) que primeiro tem que acertar com os empresários, para depois acertar comigo. Ele deixou bem claro que tem de resolver com eles, para depois resolver comigo, também”, comentou o jogador.
Tentando voltar ao time titular do Cruzeiro, agora com o comando do técnico Celso Roth, o atacante afirma que está trabalhando para tentar “conquistar” o treinador, mas considera que a negociação com o Cruzeiro tem influenciado em suas atuações.
“Você fica com a cabeça pensando no que está acontecendo ou não. Mas tenho tentado não pensar nisso. O importante é fazer o trabalho bem feito, fico chateado com situação que não se resolveu ainda. A ideia com o Cruzeiro é renovar o mais rápido possível”, afirmou Wallyson.
“Nossa expectativa é que ele permaneça. É um jogador importante, mesmo voltando de lesão, tem perfil físico bom, é rápido. Ele é um jogador que demonstrou qualidades técnicas e também tem qualidade física. Tenho interesse sim na permanência dele, mas têm coisas que não estão nas nossas mãos”, comentou Celso Roth.
Na segunda-feira, o representante de Wallyson no Brasil, Carlinhos Sabiá, negou ao UOL Esporte que o jogador tivesse recebido proposta de outro clube. Porém, o diretor de futebol do clube, Alexandre Mattos, afirmou depois à reportagem que o que atrapalhava a negociação para renovação do compromisso era o interesse de outros clubes.
Wallyson tem contrato com o time celeste até o início de agosto. O grupo argentino HAZ Sports detém 80% de seu passe, com o restante sendo do Cruzeiro. O empresário argentino, Gustavo Arribas, deve vir a Belo Horizonte no final da semana para conversar com dirigentes celestes sobre a situação. 


UOL