15 de out de 2012

O sonho acabou: Alex diz não ao Cruzeiro e encerra novela

O sonho acabou. O armador Alex não jogará no Cruzeiro na próxima temporada. Quem fez o anúncio foi o diretor de futebol Alexandre Mattos, nesta segunda-feira, na Toca da Raposa II. Segundo o dirigente, Alex informou que conversou com a família e disse que não jogaria em Belo Horizonte.

”É um assunto delicado por tudo que o Alex representa. Desde quando a diretoria atual assumiu, era um desejo do Gilvan o retorno do Alex. Ele não mediria nenhum esforço para repatria-lo. Uma das minhas primeiras ações aqui foi essa. Fiz contato em 22 de março, tentei a possibilidade de ele vir no meio do ano. Ele posicionou que naquele momento que não romperia contrato”, explicou Mattos.

”Fizemos mais contatos. Em 25 de maio foi a última vez que o Cruzeiro tentou repatriá-lo no meio do ano. Naquele momento, ele não fazia rescisão por respeito a todos os anos no Fenerbahçe. Em 14 de agosto eu recebi um contato do Alex dizendo que estava repensando a possível vinda dele em janeiro. Como o Cruzeiro havia saído na frente, ele queria escutar a proposta”, completou Alexandre.

Segundo o diretor de futebol, a negociação se desenrolou de maneira que atendeu às duas partes e a possibilidade de retorno de Alex era real, mas o armador disse que, primeiramente, conversaria com a família para definir. E foi justamente o pedido dos familiares que pesou na decisão do craque.

”Em 21 de setembro, o Cruzeiro fez uma proposta que foi recusada pelo Alex no dia seguinte. Ele fez a contraproposta e o Cruzeiro aceitou no dia 2 de outubro. O Cruzeiro fez proposta dentro dos valores que achava interessante naquele momento. Ele deixou claro que queria conversar com a família. Ele passou os valores que gostaria ao Cruzeiro e fizemos força para conseguirmos chegar”, explicou. 

”Hoje, eu estaria em Curitiba, já estava marcado. Ontem, por volta das 21h30, ele disse que conversou com a família e disse que não viria a BH, e, consequentemente, para o Cruzeiro. Não é nada financeiro. Ele foi enfático e disse que já está com a cabeça em outra situação, é o desejo dele neste momento”, finalizou.


Superesportes