2 de jun de 2012

Há seis meses na Toca, Matheus se diz pronto para 1º jogo oficial pelo Cruzeiro


Destaque da campanha da Série B do ano passado pela campeã Portuguesa, o zagueiro Matheus foi contratado como reforço do Cruzeiro para esta temporada, mas não fez nenhum jogo oficial pelo time. Com a saída de Vágner Mancini e a chegada de Celso Roth, a situação parece que está mudando e o ex-jogador da Lusa surge como possível substituto de Victorino, na seleção uruguaia, contra o Botafogo, no Engenhão.

“Infelizmente, não tive oportunidade com Mancini, mas tenho trabalhando bastante, no dia a dia, esperando a oportunidade, e espero que ela venha contra o Botafogo, na quarta-feira. Quero agarrá-la da melhor maneira possível e não sair mais do time”, afirmou Matheus.
Ele não tem ainda a posição garantida. É que o técnico Celso Roth segue observando o seu desempenho e também de Thiago Carvalho, que defendeu o Boa Esporte pela Série B do Brasileiro. Mas, Matheus saiu na frente ao figurar como titular na maior parte dos treinos desta semana.
Matheus admite estar sem ritmo de jogo, pois participou apenas de um amistoso na pré-temporada, quando o Cruzeiro perdeu para o América-MG. Mas ele disse estar bem fisicamente e pronto para substituir a Victorino. “Ele é um grande jogador, mas sei das minhas qualidades, não vim aqui à toa, ano passado fui muito bem (na Portuguesa) e espero essa oportunidade da melhor maneira possível”, destacou.
O ex-zagueiro da Portuguesa diz que pensou muito porque não teve oportunidades com Vágner Mancini, mas concluiu que foi apenas opção do treinador. “Fiz só um amistoso, perdemos, depois não tive mais oportunidade, foi opção do Mancini, mas venho trabalhando bastante, buscando meu espaço. Estou bastante motivado”, enfatizou.
UOL