18 de jun de 2012

BRASILEIRÃO: Agora é hora de mostrar serviço

Depois de passadas cinco rodadas do Campeonato Brasileiro, pode se considerar que o clube celeste não teve uma prova de fogo. Não por enquanto! A partir da próxima rodada, teremos o desafio de encarar times como Vasco, São Paulo, Inter e Grêmio. Agora é hora de mostrar toda a força celeste, dentro e fora de casa!


Celso Roth conseguiu trazer de volta a confiança perdida na era Vagner Mancini, e com isso, trouxe de volta a alegria de ver o Cruzeiro jogar! 

Sempre com CAU-TE-LA, Roth escala o time de forma que muitas vezes é criticada pela torcida, por conter muitos volantes e deixar o time retrancado. Tudo mudou na partida diante do Figueirense, quando o trenador surpreendeu a muitos escalando 3 atacantes. E a retranca que era acostumado a fazer, Roth??? Mas como eu disse, CAU-TE-LA!

Celso Roth usou no primeiro tempo, uma escalação que continha velocidade, colocando no time peças como Fabinho e Wallyson. Objetivo? Sair de campo no primeiro tempo, com ao menos um empate. Mas por outro lado, jogar o segundo tempo com mais tranquilidade, já que o time do Figueirense caiu na isca de Celso Roth e usou toda energia de seus jogadores logo no primeiro tempo.

No etapa complementar, Roth voltou com sua escalação tradicional. Colocou Leandro Guerreiro e Souza, no lugar de Amaral e Wallyson, respectivamente. A essa altura do jogo, o Cruzeiro já não precisaria de suas peças velocistas, mas sim, peças habilidosas pra cadenciar o jogo e buscar a vitória. Dito e feito!

Souza aproveitou de uma bobeira do time catarinense e enfiou uma bola perfeita para Wellington Paulista, que com um toque sutil encobriu o goleiro Wilson e com muita calma, ficou com o gol livre para apenas empurrar pros fundos da rede.

Essa grande CAU-TE-LA usada por Celso Roth, levou o Cruzeiro ao segundo lugar da tabela do Brasileiro. Apenas uma vitória sobre o Vasco, garante ao time celeste o primeiro lugar isolado do Campeonato Brasileiro.

Difícil? Sim! - Impossível? Não!